Otorrino Paulista

Otorrinopediatria: entenda como este especialista pode ajudar seu filho

É natural que os pais acreditem que levar a criança ao pediatra é suficiente para cuidar da sua saúde. No entanto, esse não é o único especialista que acompanha o desenvolvimento dos pequenos, pois essa também é uma função da otorrinopediatria.

otorrinopediatra é um profissional indispensável durante a infância e adolescência, quando se manifestam muitos problemas no ouvido, nariz e garganta. Por isso, os pais precisam fazer o acompanhamento com esse especialista desde o nascimento da criança.

Entretanto, você sabe exatamente o que esse médico faz? Neste artigo explicaremos ao certo o que é a otorrinopediatria, quais são as funções de um otorrinopediatra e por que é tão importante o acompanhamento com ele. Continue lendo e veja como cuidar ainda melhor dos seus filhos!

O que é a otorrinopediatria?

Para que seja possível realizar um tratamento mais eficaz para os problemas de saúde, a medicina se divide em especialidades, sendo que uma delas é a otorrinolaringologia. Dentro dessa área existe uma divisão específica para o atendimento de crianças, que é a otorrinopediatria.

O médico otorrinopediatra é aquele responsável por fazer o acompanhamento do desenvolvimento e possíveis problemas de crianças e adolescentes, prevenindo e tratando doenças relacionadas ao ouvido, nariz e garganta.

Desse modo evita que esses pacientes apresentem complicações no futuro, possibilitando um desenvolvimento mais saudável. Também aumenta a sua qualidade de vida, tratando condições que abalam a saúde e interferem na rotina da rotina.

Por que é importante consultar a criança com o otorrinopediatra?

As consultas com o pediatra são essenciais para acompanhar a saúde da criança como um todo. Contudo, no que se relaciona a problemas específicos do ouvido, nariz e garganta, eles precisam ser acompanhados pelo otorrinopediatra.

Isso porque esse médico tem um preparo específico para identificar e tratar precocemente diversas condições, desde malformações congênitas a problemas que se desenvolvem ao longo do tempo, como infecções, alergias, distúrbios de deglutição ou fala e perda auditiva.

É muito natural as crianças terem de ouvido e inflamações na garganta, e muitas vezes esses problemas são tratados de forma isolada, não recebendo o devido acompanhamento. Por isso, também é comum que se tornem recorrentes, então, é necessário verificar ao certo a sua causa, pois ela pode estar relacionada a problemas maiores.

Além disso, alterações no ouvido, mesmo sutis, atrapalham a criança interpretar os sons ao seu redor, inclusive a fala das pessoas. Essa condição interfere no desenvolvimento da fala, levando à dificuldade de articular fonemas e provocando atrasos na comunicação.

Sendo assim, os problemas que afetam o ouvido, nariz e a garganta prejudicam o desenvolvimento da criança de um modo geral, prejudicando a sua interação social e também aprendizado. Afinal, a criança precisa ouvir e falar bem para interagir com o mundo, se expressar e ter um bom desempenho escolar.

Quais são as funções do otorrinopediatra?

Profissionais da otorrinopediatria são responsáveis por diversos problemas diferentes, sejam eles congênitos, agudos ou crônicos. Sendo assim, o médico otorrinopediatra desempenha funções diversas no diagnóstico, tratamento e prevenção de problemas do ouvido, nariz e garganta, como as quais listamos a seguir.

Tratar problemas no ouvido

Aquela dor de ouvido que a criança costuma sentir com frequência é sinal de que algo está errado. O otorrinopediatra não receita apenas um remédio para aliviar esse sintoma, mas investiga por que ele está se manifestando.

Afinal, a dor pode ser indício de algum dano no tímpano, da presença de bactérias no canal auditivo, alguma lesão, entre muitas outras condições. Portanto, se a causa não for tratada corretamente a tendência é a dor voltar e o se problema agravar.

Porém, não é somente isso, porque a criança também pode apresentar um quadro de otite crônica, por exemplo. Essa é uma infecção que precisa ser acompanhada para que as crises sejam evitadas e não interfiram no desenvolvimento da fala e no desempenho escolar.

Evitar problemas na voz ou fala

Problemas que afetam a garganta ou as cordas vocais dificultam a criança desenvolver a sua voz e a fala. Eles podem se manifestar em função da formação de verrugas, pólipos ou nódulos nas cordas vocais, por exemplo, condições que precisam ser avaliadas e tratadas pelo otorrinopediatra.

Os pais podem perceber esses problemas em função dos sinais que eles provocam, como rouquidão, aspereza na voz, atrasos para começar a falar, dificuldade para pronunciar certas palavras ou alterações de alguns fonemas.

Além da possibilidade de os problemas estarem relacionados com a garganta e suas estruturas, essas alterações da fala e da voz podem ser decorrentes de problemas auditivos. Afinal, se a criança não estiver escutando bem ela não consegue aprender a pronúncia correta dos sons.

Prevenir infecções recorrentes

Há casos em que a criança apresenta uma predisposição para infecções recorrentes ou de repetição. Esse é o caso daquelas que têm sinusite, faringite ou otite. Essas condições requerem cuidados e acompanhamento para que o pequeno não perca sua qualidade de vida.

Os problemas de ouvido podem levar à perfuração do tímpano e ocasionar a perda da audição, que pode acontecer de forma transitória ou definitiva. Isso interfere na comunicação e no aprendizado, conforme dito.

As faringites, laringites e amigdalites atrapalham a comunicação e prejudicam a alimentação da criança. Ela sente dor e dificuldade para deglutir os alimentos, então, se recusa a comer, e essa é uma condição preocupante porque pode causar desnutrição ou anemia.

A sinusite provoca dificuldade para respirar, exigindo que a criança faça isso pela boca, o que prejudica sua saúde bucal e aumenta a possibilidade de infecções das amígdalas ou do sistema respiratório. Se não são devidamente tratadas, essas inflamações exigem o uso repetitivo de antibióticos, o que abala o sistema imunológico e prejudica a dentição.

Avaliar massas cervicais

As massas cervicais são formações anômalas que se localizam na região do pescoço, em seu centro ou lateral, aumentando o seu volume. Se classificam como linfonodos, também chamados de ínguas, cistos ou nódulos.

Ao perceber algo semelhante na criança é essencial a avaliação do especialista em otorrinopediatria para diagnosticar corretamente e indicar o melhor tratamento. O caso requer ainda mais atenção e urgência caso essas massas sejam duras, apresentem crescimento rápido e pouca motilidade.

Observar a possibilidade de perda auditiva

A perda auditiva não é um problema que acontece apenas com pessoas idosas. Ela também pode se manifestar em crianças, o que é um grande prejuízo para o seu desenvolvimento, daí a necessidade de consultar um otorrinopediatra. Ele observará se a criança está sofrendo ou poder apresentar perda auditiva no futuro.

O especialista avaliará o relato dos pais com relação ao comportamento da criança, como não responder a estímulos sonoros, falar errado, trocar as letras, ouvir TV muito alto, não prestar atenção na escola, entre outros, e associará com possíveis problemas para identificar se há complicações na audição.

A otorrinopediatria também trata condições como:

  • desvio de septo;

  • adenoide grande (carne esponjosa);

  • alergias;

  • tumores;

  • estomatite;

  • língua presa ou grande demais.

Contudo, não se esqueça de que, por tratar crianças, é essencial que o profissional tenha um cuidado maior com esses pacientes. Na Otorrino Paulista os médicos atuam com extremo humanismo e atenção às necessidades de cada paciente, utilizando recursos modernos da medicina para que ele se sinta seguro e bem acolhido.

Não se esqueça de que a otorrinopediatria é uma especialidade que precisa fazer parte do calendário de consulta dos seus filhos. Escolha uma clínica especializada e com bons profissionais para fazer o acompanhamento deles e garantir sua saúde e bom desenvolvimento.

Precisando de uma clínica e médicos de confiança? Acesse nosso site e conheça nossa equipe e trabalho!

Compartilhe !

WhatsApp Agendar consulta