Otorrino Paulista

Existe tratamento para orelha de abano? Descubra já!

Ter o rosto totalmente simétrico é o sonho de muita gente, principalmente de quem se preocupa com a imagem e quer se sentir bem ao olhar no espelho. Porém, para quem tem orelha de abano, o jeito é disfarçar a proeminência com o cabelo ou destacar outra região do corpo, não é mesmo?

Se esse é o seu caso, saiba que há uma maneira simples de resolver de vez o incômodo. Para tanto, é preciso procurar o médico especializado que indicará quais são os procedimentos necessários, a fim de corrigir a posição das orelhas para deixá-las proporcionais à sua face.

Neste post, entenda o que é orelha de abano, como pode ser tratada e quais são os cuidados devidos após a realização do procedimento!

O que é orelha de abano?

Dizemos que alguém tem orelha de abano quando a angulação da parte externa do órgão do ouvido é bastante notável. Essa é uma das maiores queixas estéticas nos consultórios médicos, especialmente por pessoas que se preocupam com a harmonia facial.

De acordo com as alterações anatômicas, existe o grau leve até o grave de orelha de abano. Alguns pacientes apresentam assimetrias de forma e tamanho, e por esse motivo, eles buscam alguma alternativa que corrija a proeminência na região.

É possível tratar o problema? Como?

A boa notícia é que existe tratamento para a orelha de abano. Chama-se otoplastia e pode ser realizada a partir dos seis aos sete anos de idade, quando o procedimento já não influencia no crescimento da parte externa do ouvido.

A otoplastia nada mais é que o termo médico para se referir à cirurgia plástica das orelhas. Além de ser indicado para corrigir a proeminência na região, o procedimento é realizado para solucionar outros problemas, como sequelas de traumas.

Em geral, a cirurgia das orelhas requer anestesia local com sedação. Inicialmente, os médicos realizam uma incisão na parte de trás, de acordo com a dobra cutânea natural. Depois, o excesso de pele é retirado e o ligamento da cartilagem é feito.

Se necessário, a cartilagem também é retirada para diminuir o tamanho da orelha. Por fim, os pontos de fixação são feitos para possibilitar o fechamento da pele. Na maior parte dos casos, eles são internos e absorvíveis. Por esse motivo, não precisam ser retirados.

Quais cuidados são importantes no pós-operatório?

A cirurgia plástica da orelha de abano dura aproximadamente uma hora. Já o período médio de internação é de oito a doze horas. Para uma recuperação rápida e tranquila, alguns cuidados devem ser tomados no pós-operatório, como:

  • lave a região com cuidado e deixe-a totalmente seca e limpa;
  • use o curativo durante 24 horas por dia no primeiro mês ou conforme orientação médica. Só o retire para o banho;
  • evite coçar a orelha, pois pode causar lesões e infecção na área, que fica mais sensível durante a recuperação;
  • se necessário, use os analgésicos ou anti-inflamatórios receitados pelo médico para combater possíveis dores e inchaço e auxiliar no processo de cicatrização;
  • as atividades físicas devem ser leves para evitar traumas nas orelhas. Se houver dúvida, fale com o médico;
  • os óculos podem ser usados por cima do curativo. A dica é prendê-los com esparadrapo. Porém, eles não devem apertar demais a cabeça.

E então, aprendeu o que é orelha de abano e como é o tratamento para corrigir o problema? Se você tem a região proeminente, não deixe de procurar um consultório médico de alto gabarito para realizar a cirurgia reparadora o quanto antes!

O que achou deste post? As informações foram úteis? Aproveite, agora, e entenda por que ocorre a perda de audição na terceira idade!

Compartilhe !

WhatsApp Agendar consulta