Ar condicionado e sinusite: entenda a relação

Quando uma família resolve comprar um aparelho de ar condicionado, normalmente busca garantir o conforto da casa, de forma que o clima fique o mais agradável possível. No entanto, o ar condicionado pode prejudicar a saúde respiratória das pessoas, visto que tal aparelho é capaz de ressecar a mucosa nasal por conta do ar seco que o indivíduo passa a respirar. Por isso, confira, nesta matéria, a relação entre ar condicionado e sinusite.

Como funciona o ar condicionado

O ar condicionado funciona a partir de uma tecnologia parecida com a de uma geladeira. O fluido R22, presente na engrenagem do aparelho, é composto por cloro, carbono e flúor e se torna gás a partir dos 7° C. Como essa temperatura é baixa demais, o gás passa a circular entre serpentinas, condensadores e evaporadores, até sugarem o calor absorvido pelo ambiente externo e se firmarem na temperatura que você deseja.

Ar condicionado e sinusite

Antes de entender as consequências do ar condicionado na sinusite, é importante saber o que ela é de fato. A doença se trata de uma inflamação nas mucosas do nariz e da boca, promovendo um forte incômodo na região conhecida como “maçã do rosto”. A sinusite pode ser causada tanto por alguma infecção de bactérias, fungos ou vírus, como devido ao contato com substâncias como poeira, sujeira, pó ou ácaros, tudo isso pode gerar alergia. Além disso, ambientes muito secos podem piorar o quadro da sinusite.

Dessa forma, o ar condicionado, ao climatizar o ambiente, também reduz a umidade do local e é capaz de espalhar com mais facilidade a poeira caso não seja devidamente higienizado, acarretando diretamente na piora da sinusite e podendo até mesmo criar uma ligação entre sinusite crônica e ar condicionado.

Ar condicionado e rinite

É válido ressaltar que as pessoas que possuem mais predisposição para crises alérgicas são as mais prejudicadas pelo ar condicionado. Nesse caso, o aparelho também afeta a rinite, pelo ressecamento do ar e do possível acúmulo de sujeiras, pó, fungos, ácaros, entre outros micro-organismos e partículas que possam desencadear a rinite alérgica.

A mudança brusca de temperatura é outra questão que pode contribuir para a relação entre sinusite e ar condicionado, por conta do choque térmico. Se o ambiente estiver muito quente e o ar condicionado for colocado em uma temperatura muito fria, se forma uma movimentação constante de troca entre os dois ambientes, de maneira que pessoas com rinite passam a ter mais probabilidade de acabarem com uma reação alérgica.

Como prevenir e evitar o problema?

1. Evite o choque térmico: agasalhe-se

Se pretender ficar em ambientes com ar condicionado, busque vestir uma roupa quente, como um casaco, e não abuse na temperatura para evitar relações prejudiciais entre sinusite e ar condicionado.

2. Higienize devidamente o ar condicionado

Quando o filtro não é limpo com a frequência necessária, bactérias e sujeiras acumulam-se e propagam-se com mais facilidade. Por isso, faça sua limpeza e evite crises de sinusite ou rinite.

3. Coloque o ar condicionado em um lugar estratégico

Tente não ficar de frente ou de costas para o aparelho, a fim de que a corrente de ar não te atinja tão forte e diretamente.

4. Use umidificadores

Os umidificadores são menos prejudiciais e fazem com que problemas sejam evitados sem que se abra mão de uma temperatura agradável.

5. Higiene Nasal

A higiene nasal é recomendada para aliviar os sintomas da rinite, pelo fato de auxiliar na melhoria das funções das vias respiratórias superiores.

Como tratar sinusite e rinite?

Seja por conta das consequências do ar condicionado ou não, muitas pessoas possuem sintomas de sinusite ou rinite e acreditam que é mais prático se automedicar por meio de corticoides nasais, orais ou injetáveis, além de antibióticos e descongestionantes nasais, principais medicamentos para tratar tais condições. No entanto, essa é uma ideia equivocada, visto que a procura de um médico especialista é essencial para avaliar seu caso, realizar o diagnóstico correto e começar um tratamento com a escolha específica para o paciente.

Se você entendeu a importância de cuidar da saúde e quer saber onde encontrar os melhores médicos, além do tratamento perfeito para o seu problema otorrinolaringológico, saiba o porquê de a Otorrino Paulista ser a opção ideal para você:

É uma clínica que possui profissionais extremamente qualificados e humanizados na área de otorrinopediatria, otorrinolaringologia geral, endocrinologia, cardiologia, bucomaxilo e clínica médica. Toda a equipe está preparada para atender às necessidades do paciente, sendo o melhor time de especialistas e cirurgiões otorrinos da região. Trabalha com cirurgias estéticas e outros procedimentos relacionados à otorrinolaringologia, além de oferecer consultas on-line, aderindo à telemedicina.

Marque sua consulta para que seja feito o diagnóstico do seu caso, seja devido à sinusite, rinite ou qualquer outro incômodo otorrinolaringológico, pelo número de WhatsApp (11) 2157-0067, atendemos de segunda à sexta-feira, das 08h às 19h!

A clínica está pronta para atender você com o melhor que a medicina oferece nos dias atuais, saiba mais informações acessando o site e confira a seção de artigos da Clínica Otorrino Paulista, a qual complementa o assunto de ar condicionado e sinusite.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como posso te ajudar
Send via WhatsApp