Terapia de cheiro: como podemos recuperar o olfato no pós Covid-19?

Conheça: sintomas pós covid

Estamos passando por um momento atípico de contaminações e mortes decorrentes de complicações da Covid-19 (infecção respiratória causada pelo Sars-coV- 2, uma espécie de sub-vírus derivado do coronavírus). Aqui no Brasil, por exemplo, segundo o site oficial de informações sobre os números da Covid, mais de 460 mil pessoas já faleceram dessa enfermidade. 

Desde o ano de 2020, lutamos contra essa doença que resiste a todas as formas de intervenção que cientistas e profissionais da saúde exercem sobre ela. E um dos principais sintomas e também sequelas da infecção é a perda da capacidade olfativa,  algo desagradável e que precisamos tratar com urgência com a ajuda de terapia de cheiros.  Aliás, esse é um dos sintomas pós-covid mais comuns.

Olfato

Mas o que é olfato? É um dos nossos sentidos, assim como, paladar, visão, tato e audição. Com o olfato, conseguimos sentir o cheiro de bebidas e alimentos de nossa rotina. Além disso, ele atua junto ao paladar. Por isso, quando estamos resfriados, muitas vezes, não sentimos cheiro ou gosto de comidas. 

Como se adquire Covid-19?

Desde o ano passado, cientistas de todos os lugares do mundo vêm desenvolvendo pesquisas e tecnologias, trazendo informações para conhecer melhor a Covid-19 e saber como lidar com ela. A descoberta de que pessoas de diferentes idades reagem de maneira diferente ao vírus, por exemplo, foi fundamental para a proteção do maior número de pessoas possíveis.

Uma das novidades foi de que a Covid é um conjunto de micropartículas e, portanto, são transmitidas de pessoa para pessoa através do contato direto ou aproximado. Isso vale tanto para pessoas quanto para objetos com os quais alguém infectado entrou em contato. Tal fato se dá pois as gotículas produzidas nas vias respiratórias são eliminadas pelo nariz ou pela boca das pessoas infectadas, quando falam, tossem ou espirram.

Quais os sintomas da Covid-19?

Os sintomas causados pela Covid podem se assemelhar aos sintomas de uma gripe ou virose, mas quando agravado, pode ser fatal. Seu principal sintoma é a falta de cheiro, mas também apresenta outros:

– Tosse seca e persistente;

– Febre acima de 38º C;

– Cansaço excessivo;

– Dor muscular generalizada;

– Dor de cabeça;

– Diarréia;

– Vômitos;

– Garganta inflamada;

– Coriza ou nariz entupido;

– Alterações do trânsito intestinal, principalmente diarreia;

– Perda de olfato e paladar.

Esses sintomas, por serem leves, podem ser tratados em casa. Sempre com o apoio de medicamentos receitados por um médico e se isolando pelo tempo determinado pelos estudiosos de, no mínimo, duas semanas. Quando considerada grave, a infecção pode apresentar dificuldade para respirar, dor no peito e até mesmo confusão. Percebe-se que é mais comum o agravamento do vírus em pessoas de idade superior a 60 anos ou que tenham algum tipo de enfraquecimento do sistema imunológico (comorbidades).

Como se proteger da Covid-19?

Graças aos esforços dos cientistas, hoje, temos o pleno conhecimento de atitudes que devemos tomar para diminuir as chances de contágio e transmissão da Covid. Algumas delas são: utilizar máscara descartável, cobrir o nariz e a boca para espirrar ou tossir, lavar as mãos antes de sair de casa e logo que chegar ao hospital, evitar o contato direto com outras pessoas, evitar utilizar o transporte público, etc.

Graças aos especialistas, também, diversas vacinas foram desenvolvidas. Elas têm uma taxa de cobertura variável. Alguns exemplos são: a vacina da Pfizer (EUA e Alemanha), a CoronaVac (China) e a Oxford/AstraZeneca (Reino Unido).

Quais os sintomas pós covid?

Atualmente, mais de 14 milhões de brasileiros foram curados do Sars-cov-2. Entretanto, infelizmente, mais da metade dessas pessoas relataram algum tipo de sintoma pós Covid. Isso acontece, pois o vírus danifica grande parte das suas vias respiratórias, os seus órgãos e seu sistema imunológico. Por isso, apesar de curado, seu corpo precisa de tempo e de cuidados para voltar ao pique de antes. Vejamos algumas delas.

Complicações: síndrome pós-covid sintomas

– Fadiga;

– Falta de ar;

– Dores de cabeça;

– Dores musculares;

– Queda de cabelo;

– Dor no peito;

– Tontura;

– Tromboses;

– Palpitações;

– Depressão e ansiedade;

– Dificuldades de linguagem, raciocínio e memória;

– Perda de olfato e paladar (temporária ou duradoura).

O pós Covid, em sua maioria, vem acompanhado de três ou quatro desses sintomas, e o mais comum é a perda do olfato, que em alguns casos pode ser breve, mas em outros pode ser duradouro. A partir de agora, vamos focar neste sintoma. 

Então como podemos recuperar o cheiro no pós covid? A terapia de cheiro pode resolver o problema. Confira.

O que é a terapia de cheiro?

A terapia de cheiro consiste no uso de aromatizantes, óleos essenciais e, até mesmo, produtos do dia a dia (café, vinagre, cravo, canela, pasta de dente, baunilha, etc.) para estimular os nervos e reprogramar o cérebro.

Mesmo não sentindo nenhum cheiro durante os primeiros dias de treinamento, o tecido olfativo possui uma grande capacidade de se regenerar, sendo assim, a constante prática é a melhor maneira de acelerar o processo. 

Tipos de perda de olfato

Anosmia Completa

Perda total das funções olfativas.

Anosmia Parcial

Redução acentuada da sensibilidade a odores de grupos específicos.

Hiposmia

Diminuição da sensibilidade olfativa.

Parosmia

Percepção alterada dos odores na presença de estímulo.

Fantosmia

Percepção de odores na ausência de estímulo odorante.

Como funciona a terapia de cheiro?

De acordo com Maura Neves, médica e otorrinolaringologista da Associação Brasileira de Otorrinolaringologia e Cirurgia Cérvico-Facial, o treinamento deve ser feito da seguinte forma: primeiro escolhe-se algumas fragrâncias para o início do processo, que pode ser, além daquelas já citadas acima, rosa, eucalipto, menta, alecrim, lavanda, limão e cravo.

Na prática

Cada substância deve ser inalada por 10 segundos, com um intervalo de 15 segundo entre cada uma, e que esse procedimento deve ser feito, ao menos, duas vezes ao dia. Sempre que necessário, concentre-se ao máximo para tentar identificar o aroma ou, pelo menos, se consegue sentir algo. A lavagem das narinas com soro fisiológico também pode ajudar no processo de regeneração e recuperação do cheiro.

Importância da terapia de cheiros

É essencial a recuperação do sentido olfativo para a segurança individual e também coletiva. A perda do olfato pode acarretar em acidentes. Imagine consumir alimentos estragados sem perceber, não se dar conta de algum vazamento de gás, não sentir cheiro de fumaça caso algo esteja pegando fogo, entre outras situações perigosas? Por isso, sua importância.

Otorrino Paulista

Mesmo podendo ser realizado dentro de casa, é importante que quem esteja com a perda de olfato e paladar, seja acompanhado também por um otorrinolaringologista. É essencial receber uma orientação nesse processo. 

O médico também está apto a te indicar outras formas e métodos que possam ser eficazes para a recuperação do sentido. Por isso, a Otorrino Paulista, localizada em uma das principais avenidas de São Paulo, pode ser a melhor opção para lhe ajudar. Temos uma estrutura moderna, equipe capacitada e um atendimento humanizado para te tratar e atender da maneira que você merece. 

Entre em contato e saiba mais!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Como posso te ajudar
Send via WhatsApp