Otorrino Paulista

Sangramento no nariz: o que é e como tratar?

Você tem ou conhece alguém que tenha sangramento no nariz? Gerador de grande desconforto, o problema atinge pessoas de qualquer idade e deve ser tratado o quanto antes por um especialista.

Neste post, vamos explicar o que é sangramento nasal, quais são as suas causas e sintomas, como tratá-lo e qual é a sua relação com o tempo seco. Confira!

O que é sangramento no nariz?

O sangramento no nariz é uma hemorragia que ocorre na região nasal. Chamado também de epistaxe, o problema não costuma ser grave e pode ser resolvido com medidas simples.

Manter a cabeça inclinada para frente, assoar as narinas ou pressioná-las por alguns instantes enquanto se respira pela boca são recomendações que devem ser seguidas em um primeiro momento.

Porém, nas situações em que dura mais de 30 minutos, o sangramento nasal pode prejudicar a respiração ou ocasionar lesões. Logo, o médico deve ser procurado de imediato.

Quais são os tipos de sangramento?

Há dois tipos de sangramento no nariz. A classificação varia de acordo com o local onde ocorre a hemorragia. Entenda!

No nariz anterior

É o tipo de hemorragia nasal mais comum. Na maior parte dos casos, ela surge de um vaso sanguíneo localizado na região dianteira do nariz, ou seja, na parte mais maleável. Em geral, o controle do sangramento ocorre de forma simples.

No nariz posterior

Pouco frequente, esse tipo de sangramento costuma acometer mais os idosos. Geralmente, surge de uma artéria situada na parte de trás do nariz, a qual é fixa e rígida. Trata-se de um quadro complicado que, na maioria das situações, exige internação e acompanhamento de um otorrinolaringologista.

Quais são as causas e seus principais sintomas?

O sangramento no nariz costuma atingir pessoas que têm muitos vasos sanguíneos minúsculos na superfície nasal. Inclusive, alguns indivíduos chegam a ter hemorragia na região mais de uma vez por semana.

O fato de cutucar o nariz ou até mesmo o clima seco pode provocar o problema. As causas do sangramento estão relacionadas também a alergias, desvio de septo, sinusite, rinite, resfriados e traumas.

O uso de anticoagulantes e sprays nasais com frequência, assim como a presença de corpo estranho no nariz ou a exposição a agentes químicos também ocasionam as hemorragias.

Os principais sintomas que acompanham o sangramento no nariz são:

  • tontura;
  • sensação de desmaio;
  • tosse ou vômito com sangue;
  • febre acima de 38,5°C;
  • lesões na pele;
  • dificuldade para respirar;
  • batimento cardíaco acelerado.

Como tratar o sangramento?

O tratamento vai depender do tipo de sangramento no nariz e das complicações. Quando a hemorragia cessa naturalmente, é porque formou-se um coágulo na região, o que dispensa a intervenção médica.

Por sua vez, quando o sangramento é ininterrupto, deve-se realizar o procedimento apropriado para saná-lo. Se o vaso sanguíneo de onde surge a hemorragia pode ser visto com facilidade, é possível optar pela cauterização. O método é indicado nos casos em que o problema ocorre na região nasal mais exposta.

Situações mais complexas exigem o tamponamento nasal, a fim de interromper a hemorragia. Porém, o procedimento pode obstruir as vias de drenagem dos seios faciais e causar infecção no local.

Para evitar que isso aconteça, antibióticos podem ser receitados. A cirurgia ou procedimentos radiológicos podem ser recomendados, caso a hemorragia permaneça.

Qual é a sua relação com o tempo seco?

O tempo seco propicia o aumento dos casos de infecções nasais, além de rinite alérgica e demais problemas na mucosa. A irritação na região pode ocasionar pequenos traumas e levar ao sangramento no nariz.

Para evitar o problema, a orientação é utilizar umidificador nos ambientes domésticos, especialmente no quarto. Soros fisiológicos e sprays nasais também são indicados para manter a mucosa úmida. É preciso, ainda, tomar cuidado ao manipular o nariz para impedir a ocorrência de traumas.

E então, aprendeu o que é sangramento no nariz e quais são as formas de tratamento? Se você sofre ou conhece alguém que sofra com o problema, recomendamos que procure um otorrinolaringologista de confiança para tratá-lo o mais rápido possível.

Agora que você sabe o que é hemorragia nasal, aproveite para descobrir quais são as cinco doenças causadas pelas mudanças climáticas!

Compartilhe !

Agendar consulta
1
Agendar consulta
Olá! Quer ter mais informações para agendar sua consulta?