Otorrino Paulista

Uma preocupação muito comum entre pais e responsáveis, e extremamente necessária, é a saúde das suas crianças. Uma das situações mais rotineiras é a coriza, ou o popular nariz entupido. Esse sintoma representa um sinal de alerta, pois pode estar relacionado à alguma infecção ou inflamação das vias respiratórias.

O nariz escorrendo pode estar vinculado à uma série de outras patologias, cada uma com suas especificidades. Portanto, é de extrema necessidade, assim que perceber a presença de coriza nasal, procurar um pediatra ou um otorrino pediatra, especialista em nariz, para obter um diagnóstico preciso.

Gripe e Resfriados

Esses tipos de infecções virais costumam ter a congestão nasal como um dos seus sintomas mais corriqueiros. Nesses casos, a cor da coriza é geralmente esbranquiçada ou transparente. O “nariz escorrendo”, em caso de gripe ou resfriado, costuma vir acompanhado de outros sintomas como febre e dor de cabeça. Geralmente as situações são tratadas em casa, com o auxílio de remédios indicados pelo pediatra para controlar os sintomas, além de repouso, alimentação equilibrada e ingestão de líquidos. Porém, cabe ressaltar a importância da vacinação anual contra a gripe que é, inclusive, oferecida gratuitamente pelo SUS.

A coriza nasal causada por gripes e resfriados costuma vir acompanhada por febre.

Por que as crianças costumam ficar resfriadas mais vezes?

Essa é uma questão que já deve ter passado na cabeça de vários pais ou pessoas que lidam com crianças, e a resposta é bem simples. As crianças estão com o sistema imunológico ainda em formação, o que propicia o ataque de agentes patógenos. E elas são expostas à uma variedade enorme de vírus diariamente, micróbios que os seus organismos não reconhecem e ainda não apresentam imunidade.

Elas costumam passar o dia em escolas ou creches, ambientes que podem facilitar a propagação e o contágio, já que o contato e a interação entre as mesmas nesses espaços é constante e nem sempre elas observam o limite da higiene.

A coriza também pode ser fruto de alergias

A rinite alérgica, que ao contrário das gripes e dos resfriados não é desencadeada por uma infecção viral, surge por uma reação alérgica. Entre os fatores que acarretam a alergia podemos citar poeira, fumaça, pólen ou até mesmo alterações climáticas. Quando a coriza está ligada à uma reação alérgica sua coloração costuma ser transparente e vem acompanhada de espirros e coceira no nariz.

O tratamento é feito comumente com medicamentos antialérgicos, além de ser indicado evitar o contato com as substâncias causadoras da reação. Portanto, faz-se necessária a visita ao pediatra para o devido diagnóstico e tratamento da criança. Já que, muitas vezes, a família pode tratar os sintomas por conta própria e de maneira errônea, como se fosse apenas um simples resfriado.